Saiba mais o SPED

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
SPED SITE
O que é e para que serve o SPED? Saiba tudo sobre!

O que é SPED?

Trata se do Sistema Público de Escrituração Digital. Foi criado pelo governo federal para receber informações fiscais e contábeis de empresas. É uma plataforma para o envio de obrigações acessórias para o FISCO. É composto por três projetos, o SPED Contábil (Escrituração Contábil Digital), o SPED Fiscal (Escrituração Fiscal Digital) e o NF-e (Nota Fiscal Eletrônica). E por meio deles é feita uma interação entre os governos federais, estaduais e municipais. As informações passadas ao SPED tem uma validade jurídica assegurada pelo certificado digital, que funciona como uma assinatura virtual da empresa, assegurando a transação pela internet e garantindo que os dados não sejam alterados ou falsificados.

Para que serve o SPED?

O SPED melhora o controle do FISCO e facilita o cumprimento das obrigações fiscais, estimulando as empresas a repassar as informações. O SPED também facilita o acesso dos contribuintes as informações e obrigações fiscais.

Qual a diferença entre SPED Fiscal e SPED Contábil? 

O SPED Fiscal é uma obrigação acessória que é responsável pela escrituração fiscal digital das informações sobre a movimentação da empresa, como apuração de impostos (como o ICMS e o IPI). O SPED Fiscal funciona por meio do cadastro de produtos, clientes e fornecedores, notas fiscais de entrada e saída, entre outras informações.  É necessário transmitir o total de entradas e saídas, os débitos, créditos e saldos do ICMS, entrada e saída detalhada por CFOP, o valor total das vendas realizadas por cartão de crédito e débito, se o CST de ICMS está sendo informado de acordo com o enfoque do declarante e o registro de informações sobre valores agregados caso a empresa compre algo diretamente de um produtor rural.

Já o SPED Contábil, se trata do sistema onde são transmitidos os lançamentos contábeis de uma empresa. A transmissão é realizada anualmente, até o último dia de maio do ano seguinte aos que se referem os documentos transmitidos. Quando as informações são enviadas, é gerado um recibo de transmissão, que comprova a legitimação do processo.  Deve ser enviado ao SPED Contábil, o Livro Diário e seus auxiliares (se houver), o Livro Razão e seus auxiliares (se houver), o Livro Balancetes Diários, Balanços e fichas de lançamento comprobatórias dos assentamentos.

 

Quais são os benefícios do SPED para quem é varejista? 

O SPED faz com que algumas despesas de emissão, impressão e armazenamento de papel, acabem. E faz com que os custos sejam reduzidos, pois as obrigações acessórias são simplificadas. Há uma economia de tempo na hora de enviar as informações ao FISCO, pois há uma padronização para isso, o que faz com diminua as falhas na hora de cumprir as obrigações. Os riscos de sonegação involuntária são mínimos, pois tudo é feito digitalmente e há uma melhoria na qualidade das informações.

Compartilhar post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Preciso de ajuda?
Entre em Contato